sábado, 13 de novembro de 2010

Clube da Luta

  • título original:Fight Club
  • gênero:Drama
  • duração:02 hs 20 min
  • ano de lançamento:1999
  • estúdio:Fox 2000 Pictures / Regency Enterprises
  • distribuidora:20th Century Fox Film Corporation
  • direção: David Fincher
  • roteiro:Jim Uhls, baseado em livro de Chuck Palahniuk
  • produção:Ross Bell, Cean Chaffin e Art Linson
  • música:The Dust Brothers
  • fotografia:Jeff Cronenweth
  • direção de arte:Chris Gorak
  • figurino:Michael Kaplan
  • edição:Jim Haygood
  • efeitos especiais:Digital Domain
Jack, um jovem adulto que já alcançou quase tudo que poderia na vida, mas menos a paz interior passa a ir em grupos de pessoas problemáticas para dar mais valor a sua vida. Lá conhece Marla, uma mulher que faz o mesmo que ele mas que o incomoda por jogar a verdade em sua cara. Em uma viagem ele conhece Tyler que apresenta a ele um clube secreto onde passa a conseguir por completo extravasar suas angústias.
A primeira vez que assisti esse filme foi quando saiu nos cinemas em 99, eu tinha 11 anos e vi com meus pais. Óbvio que odiei. Como a maior parte das pessoas que conheço adora, resolvi que não poderia comentá-lo sem assistir novamente e foi o que fiz ontem.
Minha opinião mudou da água pro vinho. Que ótimo enredo, que fotografia alucinante, que elenco incrível.
O final é perturbador e esclarecedor de todos os pontos de interrogação que surgiram na sua cabeça durante o desenrolar da história.
O que mais me deixou atordoada foi como uma população, que se sente perdida e vazia, aceita qualquer nova proposta para se sentir mais viva e envolvida em algo. Até mesmo cometer atos terroristas.
Não deixe de assistir e lembre-se: a primeira regra do Clube da Luta é não falar sobre o Clube da Luta.

CLASSIFICAÇÃO: ÓTIMO

Poster e Ficha Técnica: IMDb

Um comentário:

  1. Um dos meus favoritos, não cheguei a odiar a primeira vez que vi, mas confesso que na terceira vez, ganhou muito sentido para mim. É um dos meus favoritos ever...

    ResponderExcluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.