segunda-feira, 21 de março de 2016

Fuga de Nova York

título original: Escape from New York
gênero: Ação
duração: 1h 39 min
ano de lançamento: 1981
estúdio:  AVCO Embassy Pictures
direção: John Carpenter
roteiro:  John Carpenter, Nick Castle
fotografia: Dean Cundey
direção de arte: Joe Alves

1997, Nova York se transformou em uma prisão de segurança máxima. Snake, um ex-herói de guerra que está sendo preso, recebe a proposta de ser libertado caso consiga resgatar o presidente dos EUA, que foi sequestrado e levado para dentro da ilha. 
Eu não tenho a mínima idéia porque esse filme estava na linha lista de "Quero Ver".  E continuei assim até acabar.
Eu não vou nem entrar no mérito de efeitos especiais e similares ruins, pois estamos falando dos anos 80. E pelo que me pareceu não era a intenção desse filme ser tosco.
O roteiro me pareceu uma mescla de qualquer filme pós-apocalíptico com "Warriors - Selvagens da Noite". E não cola, tudo é tão forçado para se criar circunstâncias de ação que não consegui levá-lo a sério. Além do que a trama não é bem conduzida, ao mesmo tempo que tudo é levado meio que aos trancos, tudo parece arrastado e sem uma orientação que crie expectativas, suspense, empolgação.
Me lembrou também um pouco um graphic novel que venho lendo e que é muito bom: ZDM. Nova York vira uma zona desmilitarizada, está sitiada e apenas os marginalizados permaneceram na ilha. Mas esse HQ é muito superior a esse filme.

Para complicar mais ainda fiquei com a sensação que a trilha sonora foi mal escolhida e mal colocada. Alguns momentos em que uma música ficaria muito bem de fundo, o filme permanece em silêncio, em outras se coloca músicas "felizes" em cenas de perseguição.
Kurt Russell vestiu bem a idéia do fodão que resolve tudo, típico da década. Agora, como que me colocam um cara com cara de pamonha como Donald Pleasence para ser o presidente dos EUA?
Não achei válido nem para entretenimento.

CLASSIFICAÇÃO: RUIM

Poster e Ficha Técnica: IMDb

Nenhum comentário:

Postar um comentário