domingo, 12 de abril de 2015

12 Homens e Uma Sentença

título original: 12 Angry Men
gênero: Drama 
duração: 96 min 
ano de lançamento: 1957
estúdio: Orion-Nova Productions 
direção: Sidney Lumet
roteiro:  Reginald Rose
fotografia: Boris Kaufman 

O filme gira em torno do julgamento de um menino que matou o pai. O juri, composto por 12 homens, deve decidir se o rapaz é culpado ou não. De princípio parece que a decisão será fácil, 11 deles o consideram culpado, menos um, que tenta mostrar aos outros suas razões por considerá-lo inocente.
Vai ser difícil falar desse filme. Difícil porque não tem como comentar a perfeição. haha
Estamos falando de um filme que já tem quase 60 anos, preto e branco e que se passa em um único ambiente durante todo o filme. Elementos que para muitos podem soar como um empecilho para se dispor a assistir, e é aqui que vem o pulo do gato.
Apesar da idade, seu tema é extremamente atual e, infelizmente, acho que nunca deixará de ser. Preconceito racial e sobre classe social, suposições pessoais; o roteiro trabalha de maneira impecável todas as vertentes que podem influenciar a opinião de uma pessoa.
O preto e branco e a única locação trazem a tensão que a história pede e , apesar disso, o filme tem um desenvolvimento nada cansativo.
O elenco parece que foi escolhido a dedo. Todos os atores estão na sua melhor forma e entregues por completo. Cada uma das atuações adiciona mais ainda ao roteiro bem elaborado.
Não tenho mais palavras para expressar o quanto esse filme é incrível, só assistindo para saber.
Sabe como sei que um filme realmente me marcou? Chegou ao final tendo arrepios pelo corpo, como se tivesse passado por uma experiência paranormal (louca né? haua) e foi assim com esse.
Quando começaram a subir os créditos eu estava assim:


CLASSIFICAÇÃO: MARAVILHOSO

Poster e Ficha Técnica: IMDb

Nenhum comentário:

Postar um comentário