domingo, 21 de novembro de 2010

Harry Potter e a Câmara Secreta

  • título original:Harry Potter and the Chamber of Secrets
  • gênero:Aventura
  • duração:02 hs 41 min
  • ano de lançamento:2002
  • estúdio:Warner Bros. / 1492 Pictures / Heyday Films
  • distribuidora:Warner Bros.
  • direção: Chris Columbus
  • roteiro:Steven Kloves, baseado em livro de J.K. Rowling
  • produção:David Heyman
  • música:John Williams e William Ross
  • fotografia:Roger Pratt
  • direção de arte:Andrew Ackland-Snow, Neil Lamont, Steven Lawrence e Lucinda Thomson
  • figurino:Lindy Hemming e Michael O'Conner
  • edição:Peter Honess
  • efeitos especiais:Cinesite Ltd. / Industrial Light & Magic / Framestore CFC / The Moving Picture Company
De férias na casa dos tios, Harry recebe a visita de um elfo doméstico que insiste para que ele não volte a Hogwarts pois vai acontecer algo muito ruim na escola. Ele não dá ouvidos e volta a escola, que agora tem um novo professor de Defesa Contra as Artes das Trevas, um galã que dá mais atenção a si mesmo que aos alunos. O problema é quando começam a surgir alunos petrificados e ele percebe que o elfo estava certo.
Segundo livro da saga, como sempre continua atrás do livro (duvido que algum dia um filme superará a obra original). Algumas partes são esquecidas ou passam corridas, mas nada que atrapalhe o desenvolvimento do roteiro e a compreensão da história.
O elfo doméstico, Dobby, é muito parecido com o Smeagol do Senhor dos Anéis, só que mais carismático e fofo.  
Aqui os atores já estão um pouco a frente da idade de seus personagens, talvez isso tenha ajudado eles a terem mais consciência sobre sua interpretação. Os efeitos especiais continuam de arrepiar.
A série continua firme e forte, mas talvez esse filme tenha ficado um pouco apagado em relação aos outros.

CLASSIFICAÇÃO: ÓTIMO

Poster e Ficha Técnica: IMDb

3 comentários:

  1. A ficha de direção de arte está errada, todos os filmes de HP foram feitos pelo Stuart Craig. No Brasil, a pessoa que concebe cenários e figurinos realmente é chamada de Diretor de Arte, mas no mercado de lingua inglesa esse profissional se chama Production Designer, não Art Director, que são cargos diferentes no set.

    E Dobby e Smeagol são completamente diferentes entre si, tanto em aparência física, quanto em desejos, objetivos e personalidade.

    ResponderExcluir
  2. A ficha de direção de arte está errada, todos os filmes de HP foram feitos pelo Stuart Craig. No Brasil, a pessoa que concebe cenários e figurinos realmente é chamada de Diretor de Arte, mas no mercado de lingua inglesa esse profissional se chama Production Designer, não Art Director, que são cargos diferentes no set.

    E Dobby e Smeagol são completamente diferentes entre si, tanto em aparência física, quanto em desejos, objetivos e personalidade.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada por avisar da diferença da ficha técnica.

      Quanto ao Smeagol e o Dobby, concordo que sejam totalmente diferentes, mas eu - na minha visão - vejo algumas similaridades. Não quis dizer que é uma verdade absoluta e que são idênticos.

      Excluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.