terça-feira, 18 de abril de 2017

Logan

título original: Logan
gênero: Ação, Drama
duração: 2h 21 min
ano de lançamento: 2017
estúdio: Marvel Entertainment
direção: James Mangold
roteiro: James Mangold, Scott Frank, Michael Green
fotografia: John Mathieson
direção de arte: François Audouy

Um cansado Logan e um doente Professor Xavier se escondem na fronteira do México em um futuro não muito distante. Mas seu esconderijo é descoberto e sua paz vai embora quando ele é procurado por uma jovem mutante em apuros.
Fui ao cinema esperando mais um daqueles filmes do X-Men, que vamos combinar que já deu há uns 3 filmes atrás. e me surpreendi.
Com certeza grande parte das pessoas que foram assistir esperavam por um filme de super-herói. Não que não seja, mas é muito mais um filme de personagem em toda sua profundidade.

Esquece super-herói ou qualquer coisa do tipo para ver esse filme, por favor. Vá com a cabeça de um drama, de um filme que questiona nossa existência e o que importa realmente em nossas vidas. Vá com a cabeça preparada para ver um homem indestrutível em seu interior, com suas emoções expostas.
Vá também preparado para ver Wolverine, finalmente, em todo seu potencial. O filme faz valer sua classificação 16 anos e espirra sangue de todas as maneiras possíveis.
Temos Patrick Stewart e Hugh Jackman se entregando de tal forma ao personagem que será impossível ver seus personagens com outros atores no futuro e achar ok.
A fotografia e direção trazem um ambiente mais soturno e sério, características que o roteiro exige. A trilha sonora é uma das melhores que já vi em um filme do gênero.
Único ponto que faltou para mim foi uma carga emocional em dois pontos do filme feitos para levar o telespectador as lágrimas, o que não aconteceu comigo.
Talvez esse filme tenha aberto as portas para uma nova roupagem para o gênero super-herói, o que vem se fazendo necessário.

CLASSIFICAÇÃO: ÓTIMO

Poster e Fica Técnica: IMDb


Nenhum comentário:

Postar um comentário