sexta-feira, 21 de outubro de 2016

Relatos Selvagens

título original: Relatos Selvajes
gênero: Drama, Comédia
duração: 02h 02 min
ano de lançamento: 2014
estúdio: Corner Producciones
direção:  Damián Szifrón
roteiro: Damián Szifrón
fotografia: 
Javier Julia
direção de arte: María Clara Notari

Esse filme tem seis capítulos, cada um contando a história de algum personagem que vive no limite do descontrole e que reagem de forma violenta a algum acontecimento.
Não vou entrar em detalhes de cada história pois posso acabar tirando a graça de cada uma. O que posso dizer é que talvez possamos considerar essa uma versão latina de "Um Dia de Fúria", com histórias mais interessantes e em um estilo menos comercial.
O filme já começa com uma história sendo contada antes mesmo do título surgir e arrisco dizer que é uma das melhores do filme, não há como não acabar rindo, mas de nervoso.
Claro que temos Ricardo Darín também nessa produção, inclusive a história dele é de arrepiar  - parece estar o tempo todo com uma bomba-relógio ligada a minutos de explodir. 
Destaco também o conto com Leonardo Sbaraglia; começa simples, mas aos poucos vai ganhando complexidade e chega a tamanha animosidade que só há um final possível. (Inclusive tem uma cena nessa história que me embrulhou o estômago, fiquem atentos).
Se não corresse o risco de estragar o filme para quem ainda não viu discutiria minuciosamente todos os contos e todas as críticas que ele faz: ao poder, as lutas entre classes, a corrupção, a vida mecanizada e que nos conduz a um colapso.
O filme é sobre isso pessoas que ultrapassaram a beira do colapso.

CLASSIFICAÇÃO: ÓTIMO

Poster e Ficha Técnica: IMDb

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.