domingo, 2 de outubro de 2016

Kes

título original: Kes
gênero: Drama
duração: 01h 50 min
ano de lançamento: 1969
estúdio: Kestrel Films
direção:  Ken Loach
roteiro:  Barry Hines, Ken Loach, Tony Garnett
fotografia: 
Chris Menges


Billy é um garoto que vive em um bairro pobre da cidade. Em casa ele tem de lidar com uma mãe ausente e um irmão abusivo, na escola costuma ser ridicularizado por colegas e professores. Buscando uma válvula de escape ele começa a criar e treinar um filhote de falcão.
Essa história tem seu estilo de filmagem muito próximo do documentário, por ser muito cru e realista.
É doloroso ver o sofrimento do garoto e a opressão e tédio pelos quais tem de passar. Ficamos ansiando junto a ele pelo momento de libertação enquanto lida com o pássaro e se afasta de sua realidade.

A retratação das cidades periféricas inglesas pode servir apenas de pano de fundo mas ainda assim é muito mais dura do que em "Billy Elliot" por exemplo. E a relação do garoto com o animal e a resolução disso muito mais dolorosa do que em "Marley & Eu".
Pode até parecer em alguns momentos que o filme se arrasta, mas acredito que esse elemento está ali presente exatamente para nos fazer sentir as mesmas emoções de Billy.
Mais um presente que "1001 filmes para ver antes de morrer" me deu.

CLASSIFICAÇÃO: BOM

Poster e Ficha Técnica: IMDb

Nenhum comentário:

Postar um comentário