quinta-feira, 30 de junho de 2016

Videodrome - A Síndrome do Vídeo

título original: Videodrome
gênero: Ficção Científica, Terror
duração: 1h 27 min
ano de lançamento: 1983
estúdio: Filmplan International
direção: David Cronenberg
roteiro:  David Cronenberg
fotografia: Mark Irwin

Max é dono de uma pequena emissora de TV, em certo momento ele capta cenas de um canal pirata em que pessoas reais são torturadas e mortas. Ele passa a investigar sobre o assunto até descobrir que se trata de um tal Videodrome que começa a fazer com que tenha efeitos bizarros e alucinações.
Com certeza um dos filmes mais malucos que já assisti. Quanto ao desenrolar da história não posso afirmar se entendi, muitos momentos fiquei em dúvida se era realidade ou alucinação; mas a mensagem final foi captada e acredito que isso é o que mais importa nesse produção.
A produção critica com veemência a exposição a violência e pornografia exaustivamente televisionadas.
Claro que como bom "trash anos 80" - e se aproveitando do roteiro que dá brecha a isso - o filme todo é hiper sexualizado. Vide a gigante vagina que surge na barriga do personagem principal e engole tudo que vê pela frente.
Não é um filme fácil, mas é um "clássico cult" curto, então fica fácil de aguentar até o final. Se achar ruim, pelo menos que as risadas estarão garantidas com os efeitos visuais clássicos dos anos 80.

CLASSIFICAÇÃO: BOM

Poster e Ficha Técnica: IMDb

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.