terça-feira, 24 de maio de 2016

Ele Está de Volta

título original: Er ist wieder da
gênero: Comédia 
duração: 1h 56 min
ano de lançamento: 2015
estúdio:  Mythos Film
direção: David Wnendt
roteiro: David Wnendt, Mizzi Meyer, Timur Vermes, Marco Kreuzpaintner, Johannes Boss, Collin McMahon
fotografia: Hanno Lentz
direção de arte: Jenny Rösler

Hitler ressurge no mesmo local onde ficava seu bunker, ainda aprendendo a lidar com o mundo moderno, é confundido com um comediante e se torna fenômeno nas mídias.
Confesso que passei boa parte do filme com uma sensação estranha, achando errado rir ou achar o personagem principal carismático. Mas é aí que mora a questão do filme.
Todo o roteiro foi criado para: 1) expor a mídia que trabalha qualquer coisa que dê audiência, deixando de lado moral e ética, 2) mostrar como ideologias e figuras xenófobas podem ser sedutoras sem que percebamos.

Esse último ponto, inclusive achei bem interessante. Afinal, estamos acostumados a ver os nazistas sendo retratados em filmes e documentários como monstros, e não como pessoas que estavam ali, vivendo em sociedade como todos os outros. O ideal nazista fica bem claro nas entrevistas feitas na rua durante o filme (que me pareceram  la "Borat", sem que a pessoa percebesse que se tratava de ficção) onde cidadãos diziam sua opinião sobre certos assuntos,  concordando com a postura do falso Hitler.
Não é um filme para gargalhar, alguns momentos podem gerar certas risadinhas, mas bem na verdade é uma risada de desespero ao ver claramente sendo retratada a onda conservadora que vem se espalhando pelo mundo, inclusive aqui no Brasil, como ela vem sorrateira mas é muito perigosa.
Uma verdade inconveniente e necessária.

CLASSIFICAÇÃO: ÓTIMO

Poster e Ficha Técnica: IMDb

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.