sexta-feira, 18 de março de 2016

Intolerância

título original: Intolerance: Love's Struggle Throughout tha Ages
gênero: Drama, Guerra
duração: 3h 17 min
ano de lançamento: 1916
estúdio:  Triangle Film Corporation
direção: D.W. Griffith
roteiro: D.W. Griffith, Anita Loos
fotografia: G.W. Bitzer
direção de arte: D.W. Griffith

O filme retrata a intolerância por meio de quatro histórias através dos tempos: na época da crucificação de Cristo; na Babilônia; na França durante o massacre de São Bartolomeu; e nos tempos contemporâneos ao filme.
Primeiro ponto a ser destacado é que D. W. Griffith produziu esse filme meio que na intenção de "acalmar os ânimos" após "O Nascimento de uma Nação" e também como resposta àqueles que criticaram esta produção.
É um filme sem sombra de dúvidas à frente de sua época, inclusive o acho muito mais significativo para o cinema do que o citado anteriormente.
O duro é conseguir se manter firme durante as suas mais de 3 horas, chega um momento que começa a se tornar um tanto quanto cansativo.
Mesmo assim Griffith conseguiu uma dinâmica diferenciada das produções da época. Ele não conta as quatro histórias separadas e em ordem cronológica. Há uma mescla das quatro histórias, contando pedacinhos de cada uma indo de uma para outra o tempo todo, construindo muito bem o suspense, mas não foi um formato fácil de acompanhar para o público da época, o que o fez tomar na cabeça, pois não conseguiu recuperar os quase 2 milhões de dólares investidos na produções.
Inclusive, aproveitando o valor, outro ponto a ser destacado é grande produção megalomaníaca que foi feita. A história babilônica contou com cenários gigantescos, figurinos suntuosos e quase 3 mil figurantes. Essas cenas em especial ainda não consegui visualizar como foram produzidas e filmadas em pleno 1916.
Pode ser um pouco cansativo, mas vale assistir pela revolução cinematográfica que foi e que com certeza influencia a forma de contar uma história até os dias atuais.

CLASSIFICAÇÃO: BOM

Poster e Ficha Técnica: IMDb

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.