quinta-feira, 7 de janeiro de 2016

Espanglês

título original: Spanglish
gênero: Comédia Romântica
duração: 2h 11 min
ano de lançamento: 2004
estúdio:  Columbia Pictures Corporation
direção: James L. Brooks
roteiro: James L. Brooks
fotografia: John Seale
direção de arte: Ida Random

Flor é uma mexicana que, após ser abandonada pelo marido, migra para os EUA com sua filha. Durante muito tempo se mantém apenas dentro da comunidade mexicana, mas acaba tendo que trabalhar na casa de uma família americana sem saber falar nada em inglês. 
Vamos deixar claro que só assisti a esse filme porque uma amiga o comparou com "Que Horas Ela Volta". E para esclarecer isso: só vi semelhanças na estrutura (família rica se relacionando com a empregada), o enredo é diferente. Espanglês tenta ser sério, tenta ser comedia, mas não toma uma posição e acaba ficando indefinido e trata de dramas familiares( cada família tendo a sua). "Que Horas Ela Volta" é um drama com alguns alívios cômicos que mostra o choque de classes, contesta o comportamento casa grande/senzala que ainda existe em nossa sociedade.
Agora falando desse filme somente: nunca o assistiria por vontade próprias, mas acabou sendo uma surpresa. Não que tenha adorado, mas é um filme agradável para se passar o tempo.
É interessante ver as dinâmicas diferentes entre família rica/pobre americana/mexicana e como isso causa um certo estranhamento entre elas. Mas acho que poderiam ter aprofundado mais o conflito que havia entre mãe e filha americanas e como isso podia ser reflexo do conflito mãe e avó.
Dá pra problematizar o tema, as diferenças culturais, as máscaras que a sociedade média nos impõe; mas à maneira que o filme vai migrando para um possível romamce entre patrão e empregada perde-se essa possibilidade.
Por fim, como sempre, Adam Sandler é um problema. Ele pode fazer um cara rico, pobre, inteligente ou rico mas sempre está com essa cara de bobo, que todo mundo faz de trouxa. Talvez ele interprete sempre a si mesmo.

CLASSIFICAÇÃO: REGULAR

Poster e Ficha Técnica: IMDb

Nenhum comentário:

Postar um comentário