quarta-feira, 22 de julho de 2015

Gladiador

título original: Gladiator
gênero: Épico, Ação, Drama
duração: 155 min 
ano de lançamento: 2000 
estúdio:  DreamWorks SKG
direção: Ridley Scott
roteiro:  David Franzoni, John Logan, William Nicholson
fotografia: John Mathieson
direção de arte: Arthur Max

O imperador Marcus Aurelius resolve deixar o trono para o comandante do exército, Maximus, na intenção que esse devolva o poder ao povo. Porém seu filho, Commodus, revoltado mata o pai, toma a coroa e ordena a morte de Maximus. Esse foge, se torna escravo, gladiador e reencontra uma chance de acertar as contas com o novo imperador.
Como épico é uma produção incrível, toda a fotografia - principalmente nos momentos em que Maximus relembra da família - é muito bem construída e preocupada com os mínimos detalhes.
O roteiro entretém e constrói uma linha de desenvolvimento que prende a atenção.
Porém, os erros me incomodaram um tanto. Assumo que não vi todos que estão listados, mas principalmente o fato de o chamarem de espanhol, sendo que tal região só foi unificada quase mil anos depois. Acho que a coerência história tem que ser fator primordial em filmes históricos/épicos e isso fez com que perdesse muitos pontos como obra para mim, como entretenimento é um prato cheio.

CLASSIFICAÇÃO: BOM

Poster e Ficha Técnica: IMDb

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.