sexta-feira, 31 de maio de 2013

Um Príncipe Em Minha Vida

título original: The Prince & Me
gênero: Romance
duração: 111 min
ano de lançamento: 2004
estúdio: Lions Gate Films
direção: Martha Coolidge
roteiro: Mark Amin, Katherine Fugate, Jack Amiel, Michael Begler
fotografia: Alex Nepomniaschy
direção de arte: James H. Spencer

O príncipe dinamarquês Eddie deseja levar uma vida comum, para isso se muda para os EUA onde ingressa em uma faculdade. Lá ele conhece Paige, uma jovem simples, por quem se apaixona. O problema é que ela não sabe de seu real status.
Bem simples, história óbvia e atores principais que parecem ter sido apresentadores do Disney Channel quando crianças.
Com certeza se eu tivesse visto na adolescência teria gostado, mas só serve para preencher a tarde dessa faixa etária mesmo.

CLASSIFICAÇÃO: REGULAR

Poster e Ficha Técnica: IMDb

quinta-feira, 30 de maio de 2013

A Viagem de Chihiro

título original: Sen to Chihiro no kamikakushi
gênero: Animação
duração: 125 min
ano de lançamento: 2001
estúdio: Studio Ghibli
direção: Hayao Miyazaki
roteiro: Hayao Miyazaki
fotografia: Atsushi Okui
direção de arte: Norobu Yoshida

Chihiro é uma garota de 10 anos que está muito chateada porque seus pais resolveram que a família mudaria de cidade. Ao chegar na nova cidade, o pai se perde eles acabam parando em frente a um túnel. Curiosos, eles entram e acabam indo parar em um lugar que mudará seus destinos.
Não sou muito chegada em filmes ou desenhos orientais, mas esse merece o destaque que recebe. A história é extremamente fantasiosa, o que pode agradar as mentes criativas infantis e fazer os adultos filosofarem sobre vários pontos.
A cada novo personagem que surge, mais a magia cresce. Não sei se há alguma ligação com o folclore japonês, mas assim me pareceu.
Há outra referência clara para mim também, não em alguma cena específica mas no todo: "Alice no País das Maravilhas"
A sensibilidade dos personagens, o bom e o mau que existem dentro de cada um, são explorados de maneira a não criar um único vilão mas, dentro daquele mundo tão surreal, ter personalidades reais.
Delicado, sensível e lindo.

CLASSIFICAÇÃO: ÓTIMO

Poster e Ficha Técnica: IMDb

quarta-feira, 29 de maio de 2013

Um Lugar Chamado Notting Hill

título original: Notting Hill
gênero: Comédia Romântica
duração: 124 min
ano de lançamento: 1999
estúdio: Polygram Filmed Entertainment
direção: Roger Michell
roteiro: Richard Curtis
fotografia: Michael Coulter
direção de arte: Stuart Craig

Will, um inglês dono de uma livraria, recebe a visita em sua loja de uma figura  muito importante: a super estrela de cinema americana Anna Scott. Após se encontrarem mais algumas vezes eles começam um relacionamento cheio de idas e vindas.
Sim, é super água com açúcar, com piadas prontas e roteiro previsível. Mas a presença de Julia Roberts faz valer a pena, ela nasceu para esse gênero e o faz com maestria, suas interpretações soam naturais, como se fosse possível conhecê-la numa livraria de uma pequena cidade.
A diversão do filme fica por conta do colega de quarto de Hugh Grant.
Pode ser apenas um filme de mulherzinha para se ver a tarde na TV, mas ele é bom nisso.

CLASSIFICAÇÃO: BOM

Poster e Ficha Técnica: IMDb

terça-feira, 28 de maio de 2013

Um Beijo a Mais

título original: The Last Kiss
gênero: Romance
duração: 115 min
ano de lançamento: 2006
estúdio: Lakeshore Entertainment
direção: Tony Goldwyn
roteiro: Paul Haggis, Gabriele Muccino
fotografia: Tom Stern
direção de arte: Dan Leigh

Michael é um homem que se considera feliz e está de casamento marcado. Porém quando conhece Kim, uma jovem por quem fica fissurado, passa a repensar todas as suas escolhas, inclusive o casamento.
Nada nesse filme prende a atenção. O roteiro tenta ser profundo ao tratar das crises de alguém que questiona suas escolhas, mas falha ao fazer isso através de um homem que trai sua mulher e usa da "crise" para se justificar e ser perdoado - um tanto quanto machista na minha visão.
Quanto ao elenco/personagens, me parecem todos sem sal nem açúcar. Zach Braff pode agradar como comediante, mas já não é o primeiro filme em que o vejo se arriscando em outros estilos e, sinceramente, não gostei.
Acho que vocês podem muito bem passar sem esse.

CLASSIFICAÇÃO: RUIM

Poster e Ficha Técnica: IMDb

segunda-feira, 27 de maio de 2013

Não Sei Como Ela Consegue

título original: I don't know how she does it
gênero: Comédia Romântica
duração: 89 min
ano de lançamento: 2011
estúdio: Weinstern Pictures
direção: Douglas McGrath
roteiro: Aline Brosh McKenna, Allison Pearson
fotografia: Stuart Dryburgh
direção de arte: Santo Loquasto

Kate é uma gerente de investimentos que tenta conciliar seu emprego com uma vida saudável em família, com seu marido e dois filhos. Porém, as coisas ficam mais complicadas quando um projeto seu é aprovado e ela passa a ter muito mais trabalho do que antes.
Por acaso seria a vida de casada de Carrie Bradshaw? Só que com outro cara e reencontrando Mr. Big? Foi o que me pareceu e, apesar de gostar muito da série, acho que Sarah Jessica Parker deveria investir em personagens bem opostos a Carrie para se desvincular da série e mostrar que sabe fazer outra coisa além da mulher moderna.
A história é bem óbvia e não trás nada que faça o telespectador se prender ao conteúdo. A maneira como a trama é conduzida, com os depoimentos das pessoas próximas a personagem principal, beira o brega.
Serve para ocupar o tempo quando nada mais interessante passar na TV.

CLASSIFICAÇÃO: REGULAR

Poster e Ficha Técnica: IMDb

domingo, 26 de maio de 2013

Tudo Acontece Em Elizabethtown

título original: Elizabethtown
gênero: Drama, Romace
duração: 123 min
ano de lançamento: 2005
estúdio: Paramount Pictures
direção: Cameron Crowe
roteiro: Cameron Crowe
fotografia: John Toll
direção de arte: Clay A. Griffith

Após provocar um grande prejuízo a empresa que trabalha, Drew é demitido, além disso sua namora termina com ele. Quando resolve cometer suicídio seu telefone toca e ele recebe a notícia de que seu pai morreu. Ele deve ajudar sua família com o funeral, mas no vôo ele conhece Claire, uma aeromoça que lhe dá esperanças quanto a seu futuro e começa a mudar seu modo de ver muitas coisas.
Achava que seria só mais uma comédia romântica bobinha, mas é interessante ver aqui como é trabalhado o tema de maneira a não ficar piegas.
A má fase leva o personagem principal a repensar sua postura, suas escolhas e suas relações.
Pode parecer um pouco arrastado, mas o tom do filme ajuda a construir melhor ainda a trama, o peso das atitudes e consequências são transmitidos através disso.
Não é pra ver a qualquer momento, mas se escolher a hora certa poderá aproveitar bastante.

OBS.: Esse é o MILÉSIMO post do Blog!!!! Por isso, vai rolar promoção na página do Facebook.


CLASSIFICAÇÃO: BOM

Poster e Ficha Técnica: IMDb

sábado, 25 de maio de 2013

Três Vezes Amor

título original: Definitely, maybe
gênero: Comédia Romântica
duração: 112 min 
ano de lançamento:2008
estúdio: Universal Pictures
direção: Adam Brooks
roteiro: Adam Brooks
fotografia: Florian Baullhaus
direção de arte: Stephanie Carroll

Will é pai de uma menina de 10 anos e está se divorciando. Ela decide que quer saber tudo sobre a história dos pais, como eles se conheceram e se apaixonaram. Em vez de ser direto, ele resolve contar a história de três relacionamentos que teve, sem dar os verdadeiros nomes, e a menina que deverá descobrir qual das histórias é de sua mãe.
Ryan Reynolds deveria considerar em focar sua carreira mais nesse tipo de papel do que nos besteiróis que costuma participar. Apesar de ser um ator bem mediano, nesse tipo de filme ele sai melhor.
O que acho mais legal na trama, apesar de sabermos que todos serão felizes no final, é que você tem a opção de escolher qual dos pares prefere e torcer para um deles, o que pode não condizer com o final.
De resto é uma história bonitinha.

CLASSIFICAÇÃO: BOM

Poster e Ficha Técnica: IMDb

sexta-feira, 24 de maio de 2013

Três Solteirões e Uma Pequena Dama

título original: 3 Men and a Little Lady
gênero: Comédia
duração: 104 min 
ano de lançamento:1990
estúdio: Touchstone Pictures
direção: Emile Ardolino
roteiro: Coline Serreau,Sara Parriott, Charlie Peters, Josann McGibbon
fotografia: Adam Greenberg
direção de arte: Stuart Wurtzel

Mais uma vez os três solteirões se juntam com a criança, agora crescida. Porém para outra causa, a mãe vai se casar novamente e quer levar a menina para longe deles, o que eles não pretendem deixar que aconteça.
A mesma história do primeiro. Mesmos atores, mesma fórmula. Dava pra se divertir na década de 90, será que ainda dá?

CLASSIFICAÇÃO: REGULAR

Poster e Ficha Técnica: IMDb

quinta-feira, 23 de maio de 2013

Três solteirões e Um Bebê

título original: 3 Men and a Baby
gênero: Comédia
duração: 102 min 
ano de lançamento:1987
estúdio: Touchstone Pictures
direção: Leonard Nimoy
roteiro: Coline Serreau, James Orr, Jim Cruickshank
fotografia: Adam Greenberg
direção de arte: Peter S. Larkin

Três solteirões que dividem apartamento e se divertem com várias namoradas um dia se deparam com um bebê em sua porta. Eles resolvem então cuidar da criança, mas isso mudará para sempre suas vidas.
Faz tempo que vi esse filme, na época em que ele passava direto na Sessão da Tarde, lembro que o achava bem engraçado, mas acredito que não passe muito disso: um filme para se ver a tarde com a família.
Os personagens são um pouco caricatos e a história óbvia.

CLASSIFICAÇÃO: REGULAR

Poster e Ficha Técnica: IMDb

quarta-feira, 22 de maio de 2013

O Tigre E O Dragão

título original: Wo hu cang long
gênero: Ação
duração: 120 min
ano de lançamento: 2000
estúdio: Asian Union Film & Entertainment Ltd.
direção: Ang Lee
roteiro: Du Lu Wang, Wui-Ling Wang, James Shamus, Kuo Jung Tsai
fotografia: Peter Pau
direção de arte: Timmy Yip

Distanis Ching, duas mulheres, exímias lutadoras, têm seus destinos cruzados o que as levará a uma violenta jornada que as forçará a mudar os caminhos de suas vidas para sempre.
Uma homenagem aos filmes de kung fu, as tradições e folclores chineses.
Abstrair os "absurdos" dos filmes é a primeira coisa a ser feitas. Sabemos que é impossível uma pessoa voar, por exemplo, mas é exatamente esses detalhes fantasiosos que tornam a história tão mais bonita.
As imagens são poéticas, parece que tudo foi construído para iluminar nossos olhos.
Por não conhecer as tradições e folclores orientais bem, talvez alguns pontos da história tenham ficado mal explicados para mim, que não curto muito esse gênero de filme. Mas mesmo assim, é muito belo.

CLASSIFICAÇÃO: BOM

Poster e Ficha Técnica: IMDb

terça-feira, 21 de maio de 2013

Trair e Coçar É Só Começar

gênero: Comédia
duração: 83 min 
ano de lançamento: 2006
estúdio: Fox Filmes do Brasil
direção: Moacyr Góes
roteiro: Marcos  Caruso, Jandira Martini
fotografia: Cezar Moraes 

Em um condomínio, uma empregada intrometida, Olímpia, acha seus chefes o casal perfeito. A beira de completar 15 anos, ela e a patroa resolvem armar uma surpresa para o marido, porém, Olímpia acaba causando uma enorme confusão.
Nunca vi a peça, mas gostaria muito. Apesar da filmagem, som e fotografia serem precários o roteiro é bem engraçado, acredito que no teatro deve ficar muito melhor.
Mas, como o filme é uma opção mais acessível, vale a pena para dar umas risadas. 

CLASSIFICAÇÃO: BOM

Ficha Técnica: IMDb

segunda-feira, 20 de maio de 2013

Totalmente Apaixonados

título original: Trust The Man
gênero: Comédia Romântica 
duração: 103 min
ano de lançamento: 2005
estúdio: Sidney Kimmel Entertainment
direção: Bart Freundlich
roteiro: Bart Freundlich
fotografia: Tim Orr
direção de arte: Kevin Thompson

Rebecca é casada com Tom, que largou o emprego para ser dono de casa. Tobey, irmão de Rebecca, namora Elaine há 8 anos mas não se sente preparado para casar.
Personagens caricatos, história caricata. Tudo soa como esteriótipo e nada convence.
Os personagens são sem graça, o filme é monótono e no final das contas nada soma.
Podem passar sem ver esse. 

CLASSIFICAÇÃO: RUIM

Poster e Ficha Técnica: IMDb

domingo, 19 de maio de 2013

Todo Mundo Em Pânico 2

título original: Scary Movie 2
gênero: Comédia
duração: 83 min 
ano de lançamento:2001
estúdio: Dimension Films
direção: Keenen Ivory Wayans
roteiro: Shawn Wayans, Marlon Wayans, Buddy Johnson, Phil Beauman, Jason Friedberg, Aaron Seltzer, Alyson Fouse, Greg Gabianski, Dave Polsky, Michael Anthony Snowden, Craig Wayans 
fotografia: Steven Bernstein
direção de arte: Cynthia Kay Charette

Dando continuação, agora temos um novo contexto que satiriza mais um grupo de filmes de terror, como "O Exorcista", "Poltergeist" e outros.
Exatamente no mesmo padrão de "Todo Mundo Em Pânico", as piadas com cenas clássicas retorna e o besteirol toma conta.
Dá para rir mas, por ser mais do mesmo, já não é tão original e consequentemente tão engraçado. Depois desse achei que forçaram a barra de continuar a série.

CLASSIFICAÇÃO: REGULAR

Poster e Ficha Técnica: IMDb

sábado, 18 de maio de 2013

Tomates Verdes Fritos

título original: Fried Green Tomatoes

gênero: Drama
duração: 130 min
ano de lançamento: 1991
estúdio: Act III Communications
direção: Jon Avnet
roteiro: Fannie Flagg, Carol Sobieski
fotografia: Geoffrey Simpson
direção de arte: Barbara Ling

Uma dona de casa emocionalmente reprimida desconta suas frustrações na comida. Toda semana ela vai com o marido visitar uma parente que não a deixa entrar no quarto, enquanto espera do lado de fora conhece uma senhora que adora contas histórias e conta a ela ma em específico sobre uma parente sua, com o passar das semanas essa história mudará a vida da primeira e construirá uma bela amizade entre as duas.
Uma história sutil e despretensiosa. Muitos dizem que é "filme de mulher", não vejo assim. Apesar dos homens da história serem secundários, o que vejo aqui é - nas entrelinhas - a história da mulher na sociedade, a força feminina tomando seu devido lugar.
A fotografia e trilha sonora me lembram um pouco "Conduzindo Miss Daisy", delicadas e simples, mas lindas no ponto certo.  
Kathy Bates e Jessica Tandy dão um show de interpretação e tocam até os corações mais duros.
Um dos meus filmes favoritos com toda a certeza.

CLASSIFICAÇÃO: MARAVILHOSO

Poster e Ficha Técnica: IMDb

sexta-feira, 17 de maio de 2013

Todo Mundo Em Pânico

título original: Scary Movie
gênero: Comédia
duração: 88 min 
ano de lançamento:2000
estúdio: Dimension Films
direção: Keenen Ivory Wayans
roteiro: Shawn Wayans, Marlon Wayans, Buddy Johnson, Phil Beauman, Jason Friedberg, Aaron Seltzer
fotografia: Francis Kenny
direção de arte: Robb Wilson King

Esse thriller-comédia mostra adolescentes fugindo de serial-killers e faz piadas em cima dos grandes sucessos do terror da época.
É besteirol e tem a Anna Faris no elenco, mesmo assim achei bom.
Para quem não conhece as referências pode parecer apenas um filme com piadas baixas, mas as referências a "Pânico", "Eu Sei o Que Vocês Fizeram no Verão Passado", "O Sexto Sentido" e muitos outros, além das piadas sobre os erros cometidos em filmes do gênero, fazem valer a pena.
Para rir muito.

CLASSIFICAÇÃO: BOM

Poster e Ficha Técnica: IMDb

quinta-feira, 16 de maio de 2013

2 Coelhos

gênero: Ação
duração: 108 min 
ano de lançamento: 2012
estúdio: Black Maria Filme Video Digital
direção: Afonso Poyart
roteiro: Afonso Poyart
fotografia: Carlos André Zalasik

Edgar, cansado de ser oprimido pela violência e negligenciado pela corrupção do poder público, resolve fazer justiça com as próprias mãos.
A primeira vez que ouvi falar desse filme fiquei com um pouco de receio, depois só passei a ouvir muitos elogios. Demorei para tomar coragem e assistir, hoje só me arrependo de ter demorado tanto.
A princípio parece que vários pontos da história acabaram sem uma explicação plausível e que a história será sem pé nem cabeça. Ao final, tudo se amarra tão perfeitamente que a única reação possível é ficar de boca aberta. Claro, algumas coisas você deve relevar e deixar a mente acompanhar a lógica da história pois, se fosse na vida real não seriam plausíveis.
A fotografia e direção de arte são o ponto alto do filme, têm efeitos e sequências ali que acredito nunca ter visto antes. 
Foi difícil assimilar Thaíde, que como apresentador parece ser uma pessoa tão do bem e simpática, como bandido sangue frio. E Alessandra Negrini parece sempre interpretar o mesmo papel, mas esse foi o único ponto mais fraco da história.
O final é um pouco surreal, mas mesmo assim casa muito bem com a história num todo.
Diferente de tudo que já vi no cinema nacional. Palmas.

CLASSIFICAÇÃO: ÓTIMO

Poster e Ficha Técnica: IMDb

quarta-feira, 15 de maio de 2013

The Wonders - O Sonho Não Acabou

título original: That Thing You Do
gênero: Comédia, Drama
duração: 108 min
ano de lançamento: 1996
estúdio: Twentieth Century Fox Film Corporation
direção: Tom Hanks
roteiro: Tom Hanks
fotografia: Tak Fujimoto
direção de arte: Victor Kempster

Após o estouro dos Beatles, em uma pequena cidade no interior dos EUA surge o The Wonders. Porém, em cima da hora de um show, o baterista quebra o braço e eles são obrigados a conseguir outra pessoa as pressas. Surge então a oportunidade para um jovem que trabalhava na loja da família e não tinha nenhuma outra perspectiva na vida. Ele acaba aplicando um ritmo mais animadas as letras do vocalista, o que atrai a eles a fama.
História simples, rapazes que viram famosos e, a partir disso, passam a colher os louros e problemas disso.
O que mais pega aqui é a empatia que existe em todo o filme. Pode ser óbvio do começo ao fim, mas agrada.
Sem contar que, com certeza, você ficará com a música título na cabeça durante alguns dias.

CLASSIFICAÇÃO: BOM

Poster e Ficha Técnica: IMDb

terça-feira, 14 de maio de 2013

Santa Paciência

título original: The Infidel
gênero: Comédia
duração: 105 min
ano de lançamento: 2010
estúdio: Slingshot Productions
direção: Josh Appignanesi
roteiro: David Baddiel
fotografia: Natasha Braier
direção de arte: Erik Rehl

Mahmud é um muçulmano não praticante que se vê em uma situação de conflito: enquanto tem que fingir ser fervoroso em sua fé para que seu filho possa se casar com a filha de um xiita, descobre que foi adotado e que na verdade é filho de judeus. 
Acordar conflitos religiosos de maneira "leve" e engraçada é muito difícil, mas conseguiram com esse filme.
Se você não gosta de piadas com grupos religiosos, melhor nem assistir, pois esse filme só trata disso. Esteriótipos são reforçados e ao mesmo tempo contestados a partir do esclarecimento que ambas as partes (judeus e muçulmanos) vão tendo ao conviverem.
As piadas podem ser consideradas incorretas ou até estimulantes ao ódio entre credos, eu não vejo assim, mas sim como abrindo nossos olhos exatamente para os preconceitos que temos diante de algumas culturas.
Ri muito. Um filme que foge dos padrões.

CLASSIFICAÇÃO: ÓTIMO

Poster e Ficha Técnica: IMDb

segunda-feira, 13 de maio de 2013

Os Flintstones - O Filme

título original: The Flintstones
gênero: Comédia
duração: 91 min 
ano de lançamento: 1994
estúdio: Universal Pictures
direção: Brian Levant
roteiro: Tom S. Parker, Jim Jennewein, Steven E. de Souza
fotografia: Dean Cundey 
direção de arte: William Sandell

Dois espertalhões que querem dar o golpe na Pedregulho e Cia colocam Fred Flintstone como vice-presidente. Ele e sua esposa acabam ficando deslumbrados com o novo estilo de vida, mas seus amigos Barney e Betty tentarão abrir seus olhos.
Minha infância na telona. Adorava esse desenho e acho que foi uma transformação em Live Action. John Goodman está perfeito como Fred.
A maneira como adaptam objetos atuais para a idade das pedras é muito divertido.
Funcionou bem na minha época, não tenho certeza se funciona hoje em dia.

CLASSIFICAÇÃO: REGULAR

Poster e Ficha Técnica: IMDb

domingo, 12 de maio de 2013

Terapia do Amor

título original: Prime
gênero: Comédia Romântica
duração: 105 min
ano de lançamento: 2005
estúdio: Prime Filme Productions LLC
direção: Ben Younger
roteiro: Ben Younger
fotografia: William Rexer
direção de arte: Mark Ricker

Uma mulher de quase 40 anos, recém separada, resolve focar em sua carreira e não se envolver com ninguém. Porém ela se apaixona por um rapaz 10 anos mais novo e conta com a ajuda de sua terapeuta para lidar com isso, o que ambas não fazem ideia é que a psicóloga é a mãe do rapaz.
Não gostei. Apesar do final fugir dos padrões do gênero, a história parece não ter um propósito, não entretêm, não é bonitinha. Nada.
Não sei como Meryl Streep foi parar nessa produção meia boca.

CLASSIFICAÇÃO: RUIM

Poster e Ficha Técnica: IMDb

sábado, 11 de maio de 2013

Tempos Modernos

título original: Modern Times
gênero: Comédia, Drama
duração: 87 min
ano de lançamento: 1936
estúdio: Charles Chaplin Productions
direção: Charles Chaplin
roteiro: Charles Chaplin
fotografia: Ira H. Morgan, Roland Totheroh
direção de arte: Charles D. Hall

Um operário é lavado a loucura pela monotonia frenética do seu trabalho. Ele é internado em um sanatório, mas quando recebe alta acaba sendo preso confundido com um agitador comunista. Em paralelo, uma jovem muito pobre que acabou de perder o pai e está aos cuidados da lei rouba comida para que ela e suas irmãs não passem fome.
O humor pastelão dá a leveza necessária para que Chaplin aborde as mudanças sociais e econômicas mundiais que o povo atravessou em sua época.
Mais interessante ainda é que a visão dele é atemporal, afinal, praticamente tudo que aqui é critica - infelizmente - ainda é realidade.
Obrigatório, principalmente por retratar tão bem uma era, para entender melhor a história do mundo.

CLASSIFICAÇÃO: ÓTIMO

Poster e Ficha Técnica: IMDb

Abaixo o filme completo :)

sexta-feira, 10 de maio de 2013

Super Size Me - A Dieta do Palhaço

título original: Super Size Me
gênero: Documentário
duração: 100 min
ano de lançamento: 2004
estúdio: Kathbur Pictures
direção: Morgan Spurlock
roteiro: Morgan Spurlock
fotografia: Don Burgess
direção de arte: James H. Spencer

O diretor do filme se usa de cobaia para uma experiência alimentar, durante um mês passar a base de Mc Donalds em todas as refeições.
É incrível ver a que Morgan se sujeita, colocando sua saúde totalmente a mercê dos produtos fast food.
Além de ser um alerta aos cuidados da saúde ainda é uma crítica muito forte a cultura do fast food, forte principalmente nos EUA.
Para assistir e repensar seus hábitos alimentares.

CLASSIFICAÇÃO: BOM

Poster e Ficha Técnica: IMDb

quinta-feira, 9 de maio de 2013

SuperBad - É Hoje

título original: SuperBad
gênero: Comédia
duração: 113 min
ano de lançamento: 2007
estúdio: Columbia Pictures
direção: Greg Mottola
roteiro: Seth Rogen, Evan Goldberg
fotografia: Russ T. Alsobrook
direção de arte: Chris L. Spellman

Dois amigos inseparáveis estão terminando o colégio e irão para faculdades diferentes. Juntos eles querem superar traumas e problemas antes dessa fase da vida acabar.
Quem acompanha o blog já sabe quais são meus sentimentos sobre besteiróis.
A única coisa que se destaca para mim aqui é que o trio principal caiu como uma luva em seus respectivos papéis.
Quanto a história é previsível e cheia de piadas de duplo sentido. Nos EUA muitas pessoas devem se identificar, relembrando sua juventude ou se vendo no personagem. Mas, para mim, não funciona muito no Brasil; sim há os nerds, os virgens e tudo o mais, mas não é a mesma coisa. Sem contar que os costumes são outros.
Enfim, não faz meu tipo de filme. 

CLASSIFICAÇÃO: REGULAR

Poster e Ficha Técnica: IMDb