segunda-feira, 15 de abril de 2013

Filadélfia

título original: Philadelphia
gênero: Drama
duração: 125 min
ano de lançamento: 1993
estúdio: TriStar Pictures
direção: Jonathan Demme
roteiro: Ron Nyswaner
fotografia: Tak Fujimoto
direção de arte: Kristi Zea

Um promissor advogado é demitido do tradicional escritório onde trabalha por ter Aids. Ele resolve processá-los e, para isso, conta com o serviço de um advogado homofóbico.
Só por ser um filme de júri já havia grandes chances de eu gostar, ainda tendo uma temática tão profunda, só podia ser amor a primeira vista!
Não se trata apenas de um filme que aborda os preconceitos e temores em relação à Aids, soropositivos e homossexuais. Se trata disso tudo sendo abordado em uma época onde esses assuntos eram muito mais delicados que hoje em dia e, principalmente, por Hollywood e não somente por cinemas alternativos.
Tom Hanks está incrível em todos os detalhes de seu personagem e Denzel Washington faz com que seu personagem homofóbico passe por grandes transformações durante o decorrer da história.
Esse é um daqueles filmes que consegue me fazer despertar ódio pro pessoas fictícias, o que para mim é a prova de como os personagens foram bem construídos.
Atenção especial para a cena da ópera - que plasticamente destoa um pouco do resto do filme mas é bem interessante - e a cena do espelho no juri.
Obrigatório com certeza.

CLASSIFICAÇÃO: ÓTIMO

Poster e Ficha Técnica: IMDb

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.