quinta-feira, 3 de maio de 2012

O Conde de Monte Cristo



título original: The Count of Monte Cristo 
gênero: Aventura
duração: 131 min 
ano de lançamento: 2002
estúdio: Touchstone Pictures
direção: Kevin Reynolds
roteiro: Alexandro Dumas Pere, Jay Wolpert
fotografia: Andrew Dunn
direção de arte: Mark Geraghty

Edmond é um homem honesto e ingênuo que está noivo de uma linda mulher, Mercedes. Seu melhor amigo, Fernand inveja a sorte e qualidades dele e arma uma cilada para ficar com sua noiva. Edmond é preso por 13 anos. Durante todo esse período deseja vingança até o dia em que consegue fugir da prisão e sai em busca de concluir seus planos.
Uma história que envolve intriga, período histórico, planejamento de vinganças; esses são elementos que me atraem bastante a atenção. Porém, deixou a desejar. Ele conseguiu alcançar seus planos muitos facilmente, para mim. Tinha que ter mais dificuldade, mais desenvolvimento da elaboração dos planos.
Não que isso faço do filme ruim, de jeito algum, é um bom filme, mas fiquei um pouco decepcionada.
Jim Caviezel convence como rapaz ingênuo, não sei se ainda é reflexo de ter visto ele em "A Paixão de Cristo". Guy Pearce como sempre está ótimo, mas não consigo desvincular a imagem dele de "Priscila, A Rainha do Deserto", parece que ele sempre é um pouco afeminado.
Pode ser um bom passatempo, mas quem espera uma trama elaborada talvez se decepcione.

CLASSIFICAÇÃO: BOM

Poster e Ficha Técnica: IMDb

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.