domingo, 21 de agosto de 2011

Borat - O Segundo Melhor Repórter do Glorioso País Cazaquistão Viaja à América

título original:Borat: Cultural Learnings of America for Make Benefit Glorious Nation of Kazakhstan
gênero:Comédia
duração:1 hr 24 min
ano de lançamento: 2006
estúdio: One America / Dune Entertainment / Four by Two / Everyman Pictures / Major Studio Partners
distribuidora: 20th Century Fox Film Corporation
direção: Larry Charles
roteiro: Peter Baynham, Sacha Baron Cohen, Anthony Hines e Dan Mazer, baseado em estória de Peter Baynham, Sacha Baron Cohen, Todd Phillips e Anthony Hines
produção: Jay Roach e Sacha Baron Cohen
música: Erran Baron Cohen
fotografia: Luke Geissbuhler e Anthony Hardwick
direção de arte: David Maturana
figurino: Jaosn Alper
edição: Craig Alpert, Peter Teschner e James Thomas
efeitos especiais:Yard VFX

Borat, um jornalista do Cazaquistão, vai aos EUA fazer um documentário e entrevista pessoas reais para mostrar o comportamento cotidiano dos norte-americanos, além de querer conhecer pessoalmente Pamela Anderson.
Sasha Cohen conseguiu um grande feito com esse filme. Digamos que ele pode até ser o inspirador do quadro Repórter Inexperiente dos primórdios do CQC. Sendo um ator desconhecido, se passou por repórter de um país longínquo e saiu entrevistando figuras de organizações do EUA para mostrar bem como o povo é hipócrita, preconceituoso e apesar de se posicionar como evoluído, na verdade, é bem primitivo. Não só quanto ao comportamento interno da comunidade estadunidense, mas como vêem a população de países subdesenvolvidos, principalmente árabes.
A fotografia e filmagem é tosca, mas de propósito, a intenção é que seja assim, pra chocar, pra mostrar o como as produções feitas fora dos EUA são imaginadas por eles. E o comportamento de Borat também é totalmente programado para isso, para ser estereotipado.
Alguns momentos mais apelativos são totalmente bem colocados, para incomodar os conservadores.
Da escrotidão acumulada nesse filme fez-se uma obra-prima de crítica cultural, política, religiosa e econômica.
Muitos não podem ver o humor irônico e sarcástico embutido, mas é aí que se esconde sua qualidade.

CLASSIFICAÇÃO: ÓTIMO

Poster e Ficha Técnica: IMDb

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.