segunda-feira, 7 de março de 2011

A Filha dos Trapalhões

título original:A Filha dos Trapalhões
gênero:Infantil
duração:1 hr 47 min
ano de lançamento: 1984
estúdio: Renato Aragão Produções
distribuidora: Embrafilme
direção: Dedé Santana
roteiro: Renato Aragão, Dedé Santana, Emanuel Rodrigues, Arnaud Rodrigues, José Joffily e Gilvan Pereira, baseado no roteiro do filme
produção: Renato Aragão
música: Renato Aragão e Arnaud Rodrigues
fotografia: Antônio Gonçalves
direção de arte: Renato Aragão

Quatro amigos que moram em um barco flutuante encontram um bebê abandonado e resolvem cuidar dele, mesmo morando na miséria. Tempos depois eles começam a trabalhar em um circo e reencontram a mãe da menina, que foi obrigada a vender a criança para bandidos. O problema é que esses mal carateres ainda atormentam sua vida.
Como os Trapalhões eram bons quando ainda era os quatro! Esse filme é uma versão brazuca de "Três solteirões e um bebê" (na verdade não sei qual veio antes). Meu favoritos sempre foram o Mussum e  o Zacarias.
Era o tipo de filme infantil agradável, pois sempre eram leves, com estripulias e trapalhadas, sem exagero em violência como costuma acontecer nos programas infantis de hoje em dia.
Pena que não passam mais na Sessão da Tarde com tanta frequência como passava na minha época. Acho um bom exemplo pra criançada, afinal suas histórias sempre tinham moral no final, e ainda por cima esse é um dos melhores de toda a série.

CLASSIFICAÇÃO: BOM

Poster e Ficha Técnica: IMDb

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.