segunda-feira, 31 de janeiro de 2011

A Estrada

título original:The Road
gênero:Aventura
duração:1 hr 51 min
ano de lançamento: 2009
estúdio: Dimension Filmes / 2929 Productions / Nick Wechsler Productions / Chockstone Pictures / Road Rebel
distribuidora: Dimension Films / The Weinstein Company / Paris Filmes
direção: John Hillcoat
roteiro: Joe Penhall, baseado em livro de Cormac McCarthy
produção: Paula Mae Schwartz, Steve Schwartz e Nick Wechsler
música: Nick Cave e Warren Ellis
fotografia: Javier Aguirresarobe
direção de arte: Gershon Ginsburg
figurino: Margot Wilson
edição: Jon Gregory
efeitos especiais:Crazy Horse Effects / Invisible Pictures / DIVE / The Layersmith Digital / Space Monkey 

O cataclisma atinge a Terra destruindo tudo através de incêndios, terremotos, enchentes, e dizimando quase toda a humanidade. Nesse ambiente pai e filho vagam procurando alguma maneira de sobrevivência.
O caos, a angústia, a falta de esperança e oportunidades, a fome obrigando as pessoas a comerem o que lhes for possível, inclusive levando alguns a apelarem ao canibalismo.
Tudo bem que partirei do princípio que filmes desse gênero não em agradam, mas como tinha ouvido falar bem desse, resolvi dar uma chance. Tema totalmente bem elaborado, mas não me convenceu, não tem dinâmica, o roteiro e o trailer propõem uma coisa que na prática não acontece no desenrolar da história.
Muita gente pode falar pra mim “Mas Natália, é o fim do mundo! Quase não existem sobreviventes, é lógico que ele vai ser em sua maior parte parado e sem muitos acontecimentos” E eu concordo plenamente.  Mas mesmo a idéia sendo mostrar as adversidades da sobrevivência em um mundo sem opções, os personagens parecem estar sobrevivendo sem muito problema à falta de suprimentos e aos perigos do mundo.
O menino que está em estado de choque parece mais estar passivo, pouco ligando para o que acontece – afinal ele nasceu quando começou o cataclisma, não conheceu o mundo de outro jeito, não há muito que temer.
A fotografia com ausência de cores, quase toda em tons de marrom e cinza, combina muito com a temática.
No todo achei fraco, eles andam e andam sem nada acontecer, quando acontece alguma coisa é por pura burrice dos personagens principais, e assim o filme se estende.
Talvez que gosta do gênero se interesse, mas a mim não fez efeito algum.

CLASSIFICAÇÃO: REGULAR
Poster e Ficha Técnica: IMDb

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.