sexta-feira, 6 de agosto de 2010

A Bússola de Ouro

  • título original:The Golden Compass
  • gênero:Aventura
  • duração:01 hs 53 min
  • ano de lançamento:2007
  • estúdio:New Line Cinema / Depth of Field / Scholastic Productions / Ingenious Film Partners / Rhythm and Hues
  • distribuidora:New Line Cinema / PlayArte
  • direção: Chris Weitz
  • roteiro:Chris Weitz, baseado em livro de Philip Pullman
  • produção:Bill Carraro e Deborah Forte
  • música:Alexandre Desplat
  • fotografia:Henry Braham
  • direção de arte:Richard L. Johnson, Chris Lowe e Andy Nicholson
  • figurino:Ruth Myers
  • edição:Anne V. Coates e Peter Honess
  • efeitos especiais:Digital Domain / Hatch Production / Alpine Films / Cinesite / Rhythm and Hues / Framestore CFC / Gentle Giant Studios / The Visual Effects Company / Tipett Studio
Em um mundo místico, uma garota órfã e seu dameon descobrem uma misteriosa substância chamada "pó" que causa efeitos estranhos nas crianças. Junto com seu mentor a menina sai em busca de explicações para esse mistério passando por várias aventuras.
Não li o livro, mas vi muita gente falando que o filme fica muito atrás da obra literária, tudo bem que normalmente quem gostou do livro se decepciona com o filme, mas nesse caso parece ter sido muito mais do que o normal.
Particularmente achei que faltou continuidade em muitas partes, parece que um pedaço não estava amarrado ao outro. Talvez distraia as crianças e as agradem, chegando então a meta do filme, mas para os adultos a única coisa que distrai é a falta de expressividade no rosto de Nicole Kidman e a quantidade de Botox que ela já injetou.

CLASSIFICAÇÃO: REGULAR

Poster e Ficha Técnica: IMDb 

2 comentários:

  1. esse filme foi a pior decepção de adaptação de um livro para o cinema, eles mudaram TODA a história, alguns personagens e o PIOR, NÃO TEVE O FINAL (que no trailler passava uma parte e na hora do filme mesmo, não tinha NADA). Sobre a participação de Nicole, eu achei perfeita, pra quem leu o livro entende a falta de expressão dela, porque ela é a Sra. Coulter encarnada, perfeitamente escolhida para o papel, assim como todo o ótimo elenco.
    Não sei o que aconteceu no meio de todo o processo do filme, mas todo mundo já sabia que não ia ter continuação, até porque corre um boato que a igreja conseguiu proibir.
    Uma pena o filme ser tão ruim, porque os livros são ótimos (Y).

    ResponderExcluir
  2. que bom que a interpretação dela tem a ver com a personagem. Mas convenhamos que ela poderia parecer inexpressiva por atitude e ñ por botox ne =P

    ResponderExcluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.